Renovatio


Já passa de meia-noite. Outras páginas a serem escritas, com canetas coloridas diferentes; desta vez, brilhosas. De fato, não ofuscarei ninguém, mas também não será objetivo brilhar por alguém e para alguém. Quero apenas colorir meus olhos, meus lábios, meu caminho e meu coração. Como quem ama sem ter um por quê, como quem sorri depois de tantas lágrimas derramadas. É preciso NÃO se entender. Se entender é muito chato e a vida lá fora é sempre tão cruel. Renato já dizia: "É preciso amar as pessoas como se não houvesse amanhã, se você parar pra pensar, na verdade não há." O grão de areia agora quer ser colorido, mas principalmente azul. Meu amigo um dia me disse, depois de tanto choro: "O amor é o que existe de mais lindo e mais verdadeiro, e você deve sempre amar. É o que mais acredito. O amor é minha força!" É nossa força, meu amigo. Nossa! A partir do momento que me disse isso, as forças surgiram. Muito obrigada por ter me emprestado seus óculos para que eu pudesse enxergar o mundo da maneira mais linda que pode existir. Muita luz e muito amor para nós. Novo dia, mesma vida, outra história. 


ps: a cor azul é a que simboliza o amor e não o vermelho, como todos pensam.


Escrito por: Andressa Martins SMB
Homenagem à: Josino Pinheiro Neto 
Em: 06/05/2012


2 comentários:

Josino disse...

Sorrindo pelos olhos, brilhando pelo sorriso. Um beijo de amor, do amigo apaixonado.

Andressa Martins disse...

own, meu amiigo liindo *___*